PRERROGATIVAS, UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA!

MATO GROSSO - 18ª SUBSEÇÃO DE JACIARA

Newsletter


Ir para opção de Cancelamento

Agenda de Eventos

Setembro de 2021 | Ver mais
D S T Q Q S S
# # # 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 # #

Notícia | mais notícias

OAB-MT cobra da Prefeitura de Cuiabá serviço de atualização documental nos postos de vacinação contra covid

14/07/2021 13:15 | COMISSÃO DE SAÚDE
Foto da Notícia: OAB-MT cobra da Prefeitura de Cuiabá serviço de atualização documental nos postos de vacinação contra covid
imgA Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT), através da Comissão de Saúde da Ordem, solicitou à Prefeitura de Cuiabá, que, em caráter de urgência, garanta, nos próprios postos de imunização contra covid-19, o serviço de atualização de documentos, exigidos para vacinação.
 
Ocorre que o Coordenador de Programas Estratégicos da Secretaria Municipal de Saúde, Wellington Assunção Ferreira, alegou à imprensa local, que a falta de documentação necessária e a escolha do imunizante são as principais causas para baixa cobertura vacinal na Capital.
 
Se é assim, a OAB-MT, cumprindo seu papel institucional de defesa da sociedade, da Constituição Federal e dos Direitos Humanos, solicita providências, para que a falta de documentação ou documentação em atraso, não sejam empecilho à campanha de imunização. 
 
Isso, em uma situação de pandemia, de crise sanitária e mortes, é muito preocupante, na avaliação da vice-presidente da Comissão de Saúde, da OAB, Priscila Aguilar Arruda. Ela ressalta que muita gente não tem voz ativa e acaba voltando para casa sem receber a primeira ou segunda dose.
 
“Se este serviço estivesse disponível nos postos, as pessoas não seriam encaminhadas para outra unidade de saúde, nem ficariam em um vai-e-vem. Isso atrasa a campanha de vacinação”.
 
A OAB cobra, com isso, o cumprimento dos artigos 198, da Constituição Federal, que estabelece o atendimento integral a todos pelo SUS, e 217 da Constituição Estadual, que garante, ao menos nas letras da lei, o direito à saúde.
 
--
 

Keka Werneck

imprensaoabmt@gmail.com

(65) 99610-6413
www.twitter.com.br/oabmt

www.facebook.com.br/oabmatogrosso

Instagram @oabmatogrosso

 

Facebook Facebook Messenger Google+ LinkedIn Telegram Twitter WhatsApp